.

.

segunda-feira, 5 de dezembro de 2016

AFINAL O VINHO TINTO NÃO FAZ ASSIM TÃO BEM À SAÚDE




Esta é a notícia perfeita para todos aqueles que aproveitaram esta fim de semana para um jantar sem preocupações e que não hesitaram em pedir a carta de vinhos para ‘aquecer’ a noite. Para quem não teve essa oportunidade, guarde as dicas para uma oportunidade futura.
Ora, imagine que abusa na quantidade de vinho ingerida e que amanhã acorda com uma forte dor de cabeça. Já se questionou por que é isso acontece?
Segundo a Time, existe uma substância no vinho – a tiramina – que causa essas pontadas na cabeça devido à influência que esta tem na pressão arterial. O vinho, especialmente o tinto, contém ainda histamínicos, que algumas pessoas não conseguem metabolizar.
Para evitar que isso aconteça, tomar um anti-histamínico antes de começar a beber pode ser uma solução.

A investigação conclui, ainda, que os taninos do vinho podem aumentar a produção de serotonina química no cérebro, e as mudanças de serotonina no cérebro podem provocar dores de cabeça. Para quem sofre regularmente de enxaquecas será, por isso, melhor trocar o vinho tinto pelo branco, uma vez que este tipo de químicos são removidos durante a produção do vinho branco.«NM»

Sem comentários:

Enviar um comentário