A BIBLIOTECA MUNICIPAL DE ALPIARÇA VAI FESTEJAR MAIS UM ANIVERSÁRIO

VISITE-A


domingo, 21 de maio de 2017

ARTIGO DE OPINIÃO: Euforia de ser Português

Por:
RODOLFO COLHE

Presidente da Juventude Socialista
de
 Alpiarça


Durante muito tempo sentimos que ser português era um fado que tínhamos de carregar, muitas vezes achávamos até que era um fardo. Mas esse paradigma está a mudar e eu que assumo adorar o meu país, posso dizer que estou em euforia com Portugal. Num curto espaço de tempo, se considerarmos o tempo de vida do nosso país, vimos eleger António Guterres para Secretário-geral da ONU, um dos cargos com maior influência e que merece mais respeito por parte da comunidade internacional. No futebol vencemos pela primeira vez na história uma grande competição ao nível das equipas principais, ganhar o europeu e da forma que ganhamos foi, sem dúvida, uma prova de carácter ao mundo. Mais recentemente Salvador Sobral venceu o festival da Eurovisão, um prémio que nunca tínhamos conseguido trazer e que aliás, nunca nos tínhamos classificado nos 5 primeiros lugares. A seguir que iremos fazer? Pôr o primeiro homem em Marte? Se juntarmos a isso, todos os indicadores internos do nosso país tal como o défice mais baixo da nossa história, a enorme quebra dos valores do desemprego, a fortíssima procura de Portugal para turismo religioso, turismo gastronómico, turismo de praia, turismo de desporto (golfe e surf principalmente) e turismo de saúde. Não somos de forma alguma um país sem problemas, mas somos, sem dúvida, um país muito mais confiante.  Mas todas estas vitórias que nos envaidecem, também trazem muitas responsabilidades, e se no turismo essas responsabilidades estão ao nível da qualidade dos serviços e na criatividade e capacidade de aproveitar o que muito temos de bom, as outras vitórias devem-nos encaminhar para mudanças de mentalidade. O feito de António Guterres prova que o humanismo pode triunfar devemos pois faze-lo triunfar em Portugal. Na música devíamos passar a olhar muito mais para o que é nosso, e isso tem de partir tanto de quem ouve como de quem produz. No futebol, a nossa vitória no Euro deveria ter servido para mostrar o lado bom do desporto e entusiasmar as pessoas praticarem atividade física cada vez mais. Se não fizermos por manter o respeito que adquirimos, passaremos novamente a ser apenas história. É um orgulho ser Português.

Sem comentários:

Enviar um comentário